Com a nuvem privada virtual (VPC), você desfruta da flexibilidade para escalonar e controlar a forma como suas cargas de trabalho se conectam de maneira regional e global. Ao conectar recursos locais ou remotos ao GCP, você passa a ter acesso global às suas VPCs sem precisar replicar políticas administrativas e conectividade em cada região.

Global

Uma única VPC pode abranger várias regiões sem que a comunicação passe por redes de Internet públicas. Para casos no local, é possível compartilhar uma conexão entre a VPC e os recursos locais com todas as regiões em uma única VPC. Não é preciso ter uma conexão em todas as regiões.

Compartilhável

Com uma única VPC para toda a organização, as equipes podem ser isoladas em projetos, com cotas e faturamentos exclusivos, ainda mantendo um espaço de IP privado compartilhado e acesso a serviços usados com frequência, como VPN ou Cloud Interconnect.

Expansível

As VPCs possibilitam o aumento do espaço de IP de qualquer sub-rede sem interrupções ou inatividade da carga de trabalho. Assim, você conta com opções de flexibilidade e crescimento para atender às suas necessidades.

Privado

Tenha acesso privado a serviços do Google, como armazenamento, Big Data, análises ou machine learning sem precisar atribuir um endereço IP público a seu serviço. Configure o front-end dos seus aplicativos para receber solicitações da Internet e proteger os serviços de back-end contra endpoints públicos.

Transparente

Use os registros de fluxo da VPC para gerar registros em tempo quase real (intervalo de cinco segundos) e monitore a análise de desempenho e a perícia forense de rede da sua implantação. Com isso, você mantém sua implantação em execução com segurança e eficiência máxima.

USOS DA VPC

Desenvolva arquiteturas simples e complexas com a VPC, entre elas:

  • Hospedagem de aplicativos de vários níveis distribuídos globalmente, com a criação de uma VPC com sub-redes.
  • Conexão entre bancos de dados hospedados no GCP ou externamente e serviços de machine learning por meio da criação de uma VPC com sub-redes e acesso à VPN.
  • Recuperação de desastres com replicação de aplicativos. Crie uma capacidade de computação do GCP de back-up e reverta quando o incidente tiver passado.